Home

Publicidade

Bem Vindos

Cadastre no Goopag

 

 

Ganhar dinheiro trabalhando e se divertindo é bom demais né?

Fica essa dica - Cadastre se no Goopag e quanto mais viws e curtirdas mais você RECEBE DINHEIRO por isso...

 

Tenha o Goopag como uma Renda extra nos momentos atoa..

Clique Aqui

GANHE DIONHEIRO RESPONDENDO PESQUISAS - CLIQUE NA IMAGEM ACIMA

Melasma: Causas, Sintomas e Tratamento

Felizmente, existem bons tratamentos para melhorar a qualidade da sua pele e as manchas de melasma, desde que faça um correto diagnóstico e um programa de tratamento específico para a sua pele.

Clique Aqui

COMPRE MAIS BARATO COM TODA SEGURAÇA.

OS MELHORES PRODUTOS

 

 

Dormir bem ajuda emagrecer

 

 

Pesquisas científicas garantem: Uma boa noite de sono controla a fome, aumenta a sensação de saciedade, melhora o humor e deixa a pela mais bonita!

 

 

A privação do sono está relacionada à acidentes de trabalho, estresse, depressão, fibrologia, mau humor e mais recentemente com a obesidade.

 

 

Quem dorme cinco horas ou menos por noite, correm o três vezes mais risco de se tornar um obeso no futuro. Mas não vá pensando que só dormir é suficiente para emagrecer!

 

 

Acompanhamento nutricional, atividade física e tratamentos estéticos são fundamentais.

 

 

Abaixo, alguns hormônios que estão relacionados ao sono e o ponteiro da balança:

 

 

Cortisol: hormônios qua aparece quando estamos sob estresse e é responsável por estocar gordurinhas no nosso corpo;

 

Ghrelina: hormônio resposável por estocar gordurinhas no nosso corpo;

 

Leptina: neuromodulador, responsável por controlar a saciedade, quando não dormimos bem, sua produção é reduzida.

 

E você, costuma ter uma boa noite de sono?

 

Leia mais sobre esse Assunto!

 

Mas afinal, o quê é Melasma?

 

Melasma é o nome que damos na dermatologia para aquelas manchas da pele, escuras, que aparecem mais comumente no rosto, mas também podemos ver essas manchas no colo, braços e às vezes até nas costas. É um transtorno muito comum em mulheres jovens, mas pode surgir mais tarde e também em homens.

 

Nesse artigo você poderá tirar todas as suas dúvidas sobre melasma, basta olhar cada tópico.

 

Quais são os tipos de melasma?

 

Melasma epidérmico: tipo de melasma em que há depósito aumentado de melanina na epiderme. (Epiderme é a camada mais superficial da pele).

Melasma dérmico: nesse tipo os depósito de pigmento ocorrem da Derme (camada mais profunda da pele), ao redor dos vasos superficiais e profundos.

Melasma Misto: aqui há um aumento de pigmentos tanto na epiderme, quanto na derme. Podendo ser mais concentrado em um ou em outro.

 

Quanto à localização ele pode se apresentar, mas comumente da seguinte forma:

 

Melasma de padrão facial

Melasma Malar: nas maçãs do rosto

Melasma centrofacial: ocorre na testa, bochechas, acima do lábio, nariz e queixo

Melasma mandibular

Também pode aparecer nos braços, colo e às vezes ombro e costas.

 

Tratamento do Melasma com Cremes Clareadores

 

Existem no mercado inúmeros cremes clareadores para o tratamento de melasma. Todos se perguntam se é possível “eliminar as manchas de melasma do rosto“. Os cremes auxiliam na remoção das manchas. Os mais utilizados são: cremes à base de Hidroquinona, Ácido Retinóico (Tretinoína), Ácido Glicólico, Ácido Azelaico, Arbutin e várias outras substâncias.

 

Na maioria dos casos os resultados começam a aparecer com 2 a 3 meses de tratamento.

 

Os resultados variam com cada pele e muitas vezes em cada área de mancha da mesma pessoa, podendo não ser efetivo em todo mundo. Mesmo nos casos que atingem resultados mais rápido, é muito importante manter o tratamento com disciplina para que haja uma estabilização dos melanócitos que produzem melanina na pele.

 

Esse tratamento deverá ser contínuo, de acordo com a indicação do dermatologista.

 

Peeling no tratamento do Melasma

 

A escolha dos procedimentos para tratar melasma é feita através de uma consulta bem orientada e decidida em acordo, entre o o paciente e o dermatologista. O tratamento com peeling é mais rápido que o uso apenas dos cremes em domicílio, mas deve ser feito com cuidado e por médico experiente.

O clareamento das manchas será gradual e após esse período deverá manter os cremes clareadores em casa.

 

Você deve entender bem as orientações do seu médico, é bom se atentar para a profundidade do procedimento, sabendo que os peelings mais superficiais são mais seguros que os peelings profundos. O dermatologista poderá dizer qual é a forma mais indicada, caso a caso.

 

Tratamento a Laser para Melasma

 

Apesar dos vários métodos de se tratar o melasma hoje, o tratamento a laser é o que tem se mostrado mais eficaz. Quando falamos em “Tratamento a Laser para Melasma” estamos falando de tecnologias com resultados muito bons, mas que devem ser executadas por um profissional treinado e que tenha muito cuidado e critério na escolha do melhor tratamento.

 

Os tipos de laser mais utilizados para tratamento de manchas hoje são:

 

Luz Intensa Pulsada (IPL / LIP): um ótimo tratamento para alguns tipos de mancha mas no melasma tem bastante chance de causar um efeito rebote, inclusive com piora das manchas. A decisão por esse método deve ser muito bem conversada com o profissional.

Laser de CO2 Fracionado: o tratamento com Laser de CO2 Fracionado tem grande efeito para flacidez, marcas e cicatrizes. É também utilizado no tratamento de manchas e existem diversas palestras e publicações científicas que recomendam o seu uso no melasma, mas por ser mais agressivo e produzir mais calor, pode também piorar o melasma.

Laser Nd-YAG QS (Laser Spectra, Elektra, Vektra QS): tem alta afinidade pela melanina e não provoca aquecimento da pele. Por isso é o melhor laser para tratamento do melasma disponível atualmente. Devem ser feitas várias sessões com intervalos de 1 a 2 semanas. Além dos cuidados em casa. É o Laser mais seguro para esse tratamento, não causa efeito rebote, pode ser feito em qualquer época do ano desde que respeitadas as orientações do Dermatologista.

 

Observação: Ainda não existe nenhum tratamento definitivo para o melasma, por isso o acompanhamento que é feito posteriormente com o seu dermatologista é muito importante. Se depois de começar o tratamento do melasma o paciente notar que a pele escureceu, está irritada ou apresentou algum outro problema deve-se contatar o médico o quanto antes.

 

Existe algum tratamento caseiro de Melasma?

 

A maioria dos tratamentos do melasma, como ácidos e clareadores podem causar irritações e até mesmo, como efeito colateral, manchar, por isso, você deve utilizar apenas aquilo que o seu dermatologista prescrever, evitar receitas caseiras ou medicamentos passados para outras pessoas.

 

Dica: Em casa e no dia a dia, uma coisa que você pode fazer e tem importância grande no tratamento é cuidar dos seus hábitos. Evitar a exposição excessiva ao sol e usar o seu filtro solar regularmente. De preferência com FPS 60 ou aquele que o seu dermatologista determinar.

 

Quais são as Complicações do tratamento para o melasma?

 

Quando não for bem indicado ou não forem tomados os devidos cuidados, os tratamentos das manchas podem não surtir efeito ou, eventualmente até piorar as manchas.

 

E quando não há melhora das manchas?

 

A maioria dos casos que não obtém sucesso no tratamento, a razão é porque o paciente continuou se expondo ao sol sem os devidos cuidados ou de forma excessiva.

 

Com um tratamento correto e tomando todos os cuidados diariamente é possível que os episódios de melasma não voltem a se repetir, apesar da doença ainda não ter cura.

 

 

 

Vida SEXUAL

VÍDEOS DA SEMANA